O vinho que acompanha melhor cada prato

Posted in Uncategorized on novembro 7, 2009 by Eliane Amaral
A arte de combinar vinho e comida.  (Getty Images, DCI)Venham beber e comer! Ninguém vai se esquecer do seu estilo e criatividade. Aprenda a combinar cada tipo de vinho com um cardápio simples e apropriado.

Parecidos ou diferentes

Chama-se “harmonização” a arte de combinar os alimentos com os vinhos que melhor realçam seu sabor. É um casamento que busca harmonia, daí a palavra. Às vezes, os pares se dão muito bem por serem parecidos. Em outras, porém, as diferenças ou “contrastes” são o que tornam a combinação maravilhosa. Na harmonização dos vinhos e pratos, você pode brincar com essas duas opções. Lembre-se que a sua criatividade pode causar surpresa aos convidados, mas respeitar algumas regras básicas fará com que você seja considerado especialista no assunto. Quando um vinho é realmente excepcional, às vezes é melhor escolher como companhia um prato bem simples, que não interfira na degustação.

As carnes

A carne bovina, preparada na parilla argentina ou na grelha, casa-se perfeitamente com vinhos tintos, como o Malbec ou o Cabernet. O cordeiro, com o Syrah. A carne de porco, ao contrário, além de um tinto complexo como o Pinot Noire, pode cair muito bem um branco como o Riesling. As carnes de caça, como o cervo, podem ser acompanhadas por um tinto muito intenso, como o Merlot. Se você preparar carne com molhos condimentados, pode ressaltar esse tempero com um vinho à base de uvas combinadas: Cabernet com Malbec ou Sauvignon. Em se tratando de peixes, quanto mais branca for sua carne e mais delicado seu sabor, mais combinam com vinhos brancos e leves. Já os peixes oleosos podem “nadar” num bom rosé.

Vegetais, queijos e sobremesas

Dependendo da forma como forem preparados, os vegetais admitem uma harmonização mais variada. O arroz, por exemplo, poderá ir muito bem com brancos espanhóis ou tintos italianos, dependendo se a receita é de paella ou risoto. As massas com molho à base de tomate preferem os tintos; as com molho branco ou cremosos casam bem com vinhos brancos encorpados. Os queijos maturados, como o Camembert e o Brie, preferem tintos muito jovens. Já os queijos azuis, como o Roquefort e o Gorgonzola, podem ser servidos com brancos doces em temperatura ambiente. Por último: sobremesas com creme vão bem com vinho do Porto; doces que combinam frutas e merengues ficam magníficos com um borbulhante champanhe. Você já conhece as regras básicas… que tal agora surpreender seus convidados com combinações inovadoras e sabores inesquecíveis?

Opções para organizar reuniões diferentes

Posted in Uncategorized on novembro 7, 2009 by Eliane Amaral

Quer criar um ambiente divertido e sofisticado? Aprenda a incorporar poesia, teatro, artes plásticas, música e outras artes nas suas reuniões com os amigos.

Chega de rotina

Se as suas festas e reuniões estão se transformando em encontros de rotina e perdendo o interesse, pode ser que sua casa precise dar uma virada cultural. A cultura pode ser muito divertida e interessante, se você souber fazer boas escolhas. Convide um grupo de amigos para um sarau diferente. Faça contato com uma escola de artes plásticas e organize, com os estudantes dos últimos anos, uma exposição de quadros na sua própria sala. Procure uma pessoa especializada, para fazer uma breve apresentação e responder a perguntas; pode ser algum dos professores ou um convidado que entende de artes. Não se esqueça de oferecer um menu delicado e fácil de servir, além de uma grande variedade de bebidas, com e sem álcool.

Noite de talentos

A música e o canto são o programa perfeito para uma reunião cultural. Talvez você conheça alguém que toque um instrumento. O saxofone ou o violão, por exemplo, são uma boa pedida. Se por acaso você tem uma amiga com uma bela voz, que conheça músicas tradicionais e atuais, o sucesso da sua reunião estará garantido! Nesse caso, você precisa preparar o ambiente de uma maneira bem diferente. Cadeiras para todos e um lugar definido para improvisar um palco. Também é preciso garantir espaço suficiente de circulação, além de um bom serviço. Tome coragem para ser a animadora da festa… e talvez até cantar uma música!

Letras na sala

Você tem medo de que a poesia seja muito séria e meio chata? Isso vai depender da sensibilidade dos seus convidados e do talento de quem recita. Mas mesmo assim, existem opções literárias mais apropriadas. O teatro lido é uma modalidade bem divertida, se você escolhe obras apaixonantes com personagens intensos. Pense quais amigos seriam perfeitos para esses papéis, e mande uma cópia com antecedência para eles fazerem uma primeira leitura. Tenha a mão acessórios para dar um toque ao figurino e à maquiagem. Chapéus, bigodes postiços, óculos sem lente… lembre-se de que não é necessário montar nenhum cenário, mas um pequeno toque no ambiente pode ser estimulante. Ponha em prática esses conselhos simples e torne-se anfitriã de encontros que seus amigos nunca vão esquecer.

Vestido “curto” para casamento

Posted in Uncategorized on novembro 5, 2009 by Eliane Amaral

Slide1Slide2Slide3Slide4

Festa Rosa

Posted in Uncategorized on novembro 4, 2009 by Eliane Amaral

Que tal uma festa onde você monta seu próprio sorvete? Esta proposta feita pela Amy Moss além de divertida é linda ! Uma idéia simples se torna original quando pensamos nos pequenos detalhes.

 


Mais vestidos de Casamentos

Posted in Uncategorized on novembro 4, 2009 by Eliane Amaral

Storybook Bridal Boutique

https://i0.wp.com/www.goodweddingdresses.com/blog/wp-content/uploads/2009/07/Informal_Wedding_Dresses1.jpg
https://i0.wp.com/farm3.static.flickr.com/2371/2250062746_8d16849d1f.jpg
https://i2.wp.com/www.weddingdressbudgets.com/images/cheap_WeddingDresses.jpg

Sombras

Posted in Uncategorized on novembro 4, 2009 by Eliane Amaral

Existem truques de maquiagem que ajudam a valorizar o olhar, deixando a mulher cada vez mais atraente. Para deixar os olhos mais bonitos e expressivos, é essencial saber qual o tipo e o tom de sombra que deve ser usado nos olhos.
Cada mulher possui olhos em formatos diferentes e, dependendo do tom de sombra usado, pode acabar desvalorizando o olhar. Mulheres com olhos pequenos devem passar sombras claras e lápis na parte interna dos olhos junto aos cílios para dar a impressão de que são maiores. As mulheres com olhos grandes devem usar sombras escuras e lápis na parte externa junto aos cílios, para diminuir um pouco o olhar.
Para conseguir um efeito bonito e natural, é preciso que você escolha cores de sombras que combinem com o seu tom de pele, olhos, cabelos e tamanho dos seus olhos. Para deixar o olhar mais expressivo, use no canto externo dos olhos junto aos cílios sombras de cor preta, marrom ou chocolate.
Cada ocasião pede um tipo de cor e tom para usar as sombras. Existem cores que criam base para começar uma maquiagem. Os tons básicos como o bege, por exemplo, combinam para mulheres de pele clara. As morenas podem escolher cores entre o cobre e terracota e as morenas de pele mais escura, combinam com tons de café, amarelo ou chocolate.
Também há várias cores e tons que combinam com todo tipo de pele, como por exemplo, o marrom, café, grafite, bege, rosa-antigo, pêssego, verde-cáqui e pérola. É só saber usar corretamente. As cores escuras envelhecem, por isso troque a cor preta ou chumbo por tons mais claros de marrom e cinza. Cores muito vivas são difíceis de usar, o azul-turquesa, verde-água, rosa-pink, lilás e vermelho são perfeitas para mulheres mais ousadas.

Aprenda a valorizar cada tipo de olho

Olhos pequenos: Na dobra das pálpebras e do meio delas em direção aos cantos externos, use tons escuros. Nos cantos internos e no centro, aplique sombra clara para abrir os olhos. Esfume levemente a sombra escura nos cantos externos inferiores dos cílios.

Olhos redondos: Aplique suavemente uma sombra em tom médio nos cantos internos e um pouco mais forte nos cantos externos para amendoar os olhos. Usando a mesma sombra, aplique nos cantos exteriores e sob os cílios inferiores. Nas sobrancelhas, use um iluminador.

Olhos caídos: Com uma sombra escura, levante os cantos externos em direção ao final da sobrancelha. Evite os traços de sombra delineando o contorno dos olhos para não acentuar o formato caído.

Olhos salientes: Com uma sombra escura, crie uma curvatura cobrindo toda a pálpebra até a região da dobra, começando nos cantos internos e reforçando o tom escuro dos externos. Use tom claro junto às sobrancelhas.

Olhos juntos: Para separá-los, use sombra clara no canto interno, na raiz dos cílios e sob as sobrancelhas. Escolha tons mais escuros para aplicar nos cantos externos.

Olhos separados: Use tons mais escuros nos cantos internos junto à raiz dos cílios, clareando em direção aos cantos externos e esfume na dobra da pálpebra.

Tipos de sombras

A sombra compacta é a mais comum e a de melhor fixação. Quanto mais clara for a sombra, mais fácil de usar. O mais indicado é aplicar com pincel de esponjinha. As sombras cremosas são aconselháveis para a noite, pois são muito brilhantes. Aplique-a com um pincel e espalhe com o dedo para não ficar concentrada em apenas uma região.
O lápis-sombra é prático e ótimo para ser levado na bolsa, principalmente para retoques. Por ser muito cremoso, pode ser espalhado com a ponta dos dedos. Se sua pele for oleosa, passe pó nas pálpebras antes da sombra.

Mais dicas

Quem tem rugas ao redor dos olhos deve evitar as sombras brilhantes e apostar nas sombras opacas, que ajudam a disfarçar esses problemas. Nunca ultrapasse o limite das sobrancelhas, pois a sombra permite alongar um pouco os olhos. Escolha sempre tons próximos na hora de misturar as sombras, sobrepor cores diferentes pode ser arriscado. A parte externa logo abaixo das sobrancelhas é a única região que pode abusar do brilho e apenas em ocasiões sofisticadas.

Por Alessandra Busko

Vestidos de Noiva bem princesinha

Posted in Uncategorized on outubro 22, 2009 by Eliane Amaral

Fotos: Divulgação, Saja Weddings